Chegou o fim?

Preso em mim, busco encontrar
Em outra prisão o que falta para me completar
Ilusões ja tive demais
Anseio por não sofrer mais


Para te ter preciso de uma luz
Apenas um gesto que me conduz
Em um sorriso procuro o conforto
Sentir sua pele em meu corpo


Para ti entrego um mundo
Aonde eu habito nos fundos
Espero um dia encontrar
Alguem com quem as chave trocar


Aonde abram as prisões
Que causam tantas solidões
A duvida imposta a mim
É sera que a procura chegou ao fim?

Leandro Ramos
© Todos os direitos reservados