Edson Satler

Edson Satler

42 anos, morador do Butantã (SP). Sou Pai do Pedrinho, a pessoa que eu mais amo na vida, minha musa, me deu este presente. Sinto-me abençoado por Deus. Obrigado meu Deus.... Obrigado Adriana....  "Meu Filho" Eu sempre achei o amor indescritível Poeta obcecado inventou palavras, Hoje eu posso descreve-lo. Vejo em você meu filho Todo o amor que na vida eu busquei. Sempre acreditei no poder e na misericórdia de Deus Eu sempre pedi em oração proteção Hoje eu sinto Deus quando te toco meu filho E não peço mais apenas por mim. Sempre achei a vida linda Mas, agora eu posso ver a verdadeira cor do mundo Hoje eu sei o significado O que é plantar uma arvore O que é o nascer de uma flor. É meu filho teu velho pai não muda Poeta obcecado ainda busca Na velha companheira a poesia Palavras que possam ilustrar Todo este amor que não quer ficar apenas em meu peito Quer mostrar pro mundo que é vivo Quer contar a todos os fiéis Que Deus existe e que podemos senti-lo Nas pequeninas coisas Como o sinto em você, filho. Milagres existem basta acreditar Felizes são os que crêem, Certamente serão recompensados. O mundo é colorido basta descobrir Como eu descobri com você meu filho. Agradeço a Deus por me dado você Com você eu aprendi a descobrir A cada dia, a cada novo nascer do sol Uma chance única de dizer eu te amo...

"Adriana, Pedrinho, vocês são a minha vida... Sem vocês eu nada seria..."

💬   Fale com o Poeta

Poesias de Edson Satler

Título Data Com.
A Vida nos ensina 18/03/2021 0
Balsamo 09/02/2021 0
Porque nao veio antes. 07/12/2019 0
Nicole, minha filha 31/12/2015 1
Razão de viver.... 15/03/2015 2
Como Lazaro... 26/03/2014 0
Nosso Dia dos Namorados 11/06/2013 1
Reflexão 13/04/2013 2
Sonho sem fim 02/01/2011 2
O Segredo do amor 19/06/2009 3
O Homem Mais feliz.... 02/06/2009 1
Mãe 09/05/2009 1
O Presente é Meu 25/01/2009 1
Jesus II 13/01/2009 1
Jesus 13/01/2009 0
Eloá 21/10/2008 11
Inverso 18/09/2008 7
Não fui merecedor 12/09/2008 4
Terceiro Aniversário 18/08/2008 4
Outra vez 05/07/2008 4