MENTIRAS

MENTIRAS

A vida é recheada de mentiras,
E mentira é quando dizes não me amar.
Tua afirmação te leva à desventura
E quando a só põe-te a chorar.
 
Não entendo tua negação,
Temos tudo para ser feliz.
Tens o meu destino em tuas mãos
E dizes ser um amor sem raiz!
 
O que ocultas, algum segredo?
Um passado de desencanto
Que te leva do amor sentir medo
E te submete à tortura do teu pranto?
 
Como posso eu trazer-te de volta à vida
Se te envolveste por uma redoma intransponível!
Põe-te a cuidar de tuas doloridas feridas
E dizes que o amor entre nós é coisa impossível.
 
Vou ensarilhar minhas armas e cessar a luta,
Negar-se ao meu amor é negar-se à vida.
Faço do amor uma canção e tu não escutas
E eu estou cansado de proferir palavras perdidas.
 
 
 
 
 

Quantas coisa nesta vida é mentira e que dita tantas vezes, confunde-se com a verdade. O nosso passado é cheio de mentiras, coisa que aconteceram de maneira oposta, mas que alteradas em acordo com os interesses,. hoje é uma grande verdade.

Julgando a mim mesmo.