Site de Poesias

Menu

O SER DA TERRA

O SER DA TERRA


O ser da Terra é vegetal, o início da vida primordial
Erva, relva e sementes, árvores e frutas suficientes
O alimento essencial, fornece nutrientes sem igual

Recursos presentes em quase todos os ambientes 

O ser da Terra é animal e seu povoamento territorial
No mar, no ar e no chão, cada espécie em evolução
Nada é artificial nesse reino que nasceu longitudinal

Entre eles não há divisão, são desprovidos da razão 

O ser da Terra é humanal, distinguido como racional

Única criatura que pode destruir tudo na sua loucura
Mesmo no diferencial que nas artes o torna especial
Encontra no amor a doçura apesar da eterna procura 

O ser da Terra é o existencial em seu estado natural
Precisa Aliança entre todos para que haja esperança
Um projeto ambiental que seja ecologicamente igual

No transportar da confiança se estabelece a pujança


Marco Antônio Abreu Florentino


Poema dedicado à Aliança Transportes, empresa de transporte urbano de Fortaleza na qual sou médico do trabalho. Agradeço ao RH da empresa nas pessoas da diretora Juliana Pessoa e os psicólogos Tamires Mesquita e Cássio Moreira que, ainda no dia de hoje, lançaram o desafio, meio que na brincadeira, de eu criar uma poesia que tivesse como tema o meio ambiente e as ações ecológicas que estão inseridas nas ideias de programas a serem executados e trabalhados junto aos empregados e comunidade à qual está incluída. Tenho imensa consideração e apreço por esta empresa... seus funcionários, gerentes e diretoria, que sabem fazer o diferencial humano em relação às outras empresas privadas em geral. Aliás, tenho tido o privilégio de trabalhar somente em empresas que, verdadeiramente, valorizam seus trabalhadores, reconhecendo a importância dos seus trabalhos.


https://youtu.be/LJOWoXeBlko
(O Sal da Terra - Beto Guedes)


 


Compartilhar

28/08/2018

  • 0 comentários
  • 26 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados