Site de Poesias

Menu

UM AMOR DE OLHAR.... (Duet)

Mote:

Eu senti e foi tão belo!
Meu olhar brilhou intenso!
Teu encanto... Tão imenso!
Algo assim qual grande anelo! (Ronaldo Rhusso)

 

Senti no ar tua chegada
Olor tão suave, singelo.
Como florada orvalhada
Flores em cor de amarelo...
Um olhar enternecido
No teu foi pedir morada;
Fez teus olhos um castelo.
Querer assim descabido -
Um olhar em disparada -
EU SENTI E FOI TÃO BELO! (Roseane Ferreira)

 



Irradiou-me este estribilho:
“- Nossa! Fiquei encantado".
Déles de mim todo o enfado;
Teu sorrir do Sol é filho!
Ah! "Solzinho", perco o trilho!
E esse sentir é tão denso...
Faz-me forte e em luta eu venço!
Faz-me sentir muito amado!
Ao te ver, abençoado,
MEU OLHAR BRILHOU INTENSO! (Ronaldo Rhusso)


Na voz sabor aprazível
Um sorriso largo, intenso!
No quão és ser tão sensível
Não esqueço, sempre penso.
Como presente, vieste.
Contigo é querer possível;
As Horas tristes compenso...
Mais sentido a vida deste.
Tão claro quanto visível,
TEU ENCANTO... TÃO IMENSO! (Roseane Ferreira)



Se eu tivesse uma outra vida
Terias de tê-la também!
Felicidade convém;
Melhor se for dividida!
Sim, sou alma decidida!
Toco-te qual fosses "cello"!
Em prazer eu te desvelo,
Mas me sinto muito aquém,
Pois és bem melhor que cem!
ALGO ASSIM QUAL GRANDE ANELO! (Ronaldo Rhusso)

Roseane Ferreira
&
Ronaldo Rhusso

Compartilhar

Day by day

Hoje foi muito agitado
com direito a gran finale;
algo que há mim muito vale.
Foi bom o aprendizado
e estou, de fato, animado!
Houve um "adeus" e sorri,
pois quero ficar aqui
sem suportar a cobrança
e a repentina mudança.
O mais fingi que nem vi...

Ronaldo Rhusso

RONALDO RHUSSO
07/11/2012