Site de Poesias

Menu

**UM AMOR PROIBIDO**

[Ilustração não carregada]

**UM AMOR PROIBIDO**

Vania Staggemeier

 

Hoje sou território de amor...

Sou pássaro que voa ao encontro...

De teu mar me deixas navegar...

 

Meu amor proibido...

Quero só por hoje sentir teu desejo...

Com caricias a me desenhar...

Nessa neo nave de teu mar...

                                  

Sou um vento que vaga...

Sou furacão em alto mar...

Sou Lua com segredos de amor...

Para ti desvendar...

 

Sou impetuosa vaidosa...

Mas na sincronia de amar...

Sou sincera e carinhosa...

Faço-te versos de amor...

Faço da vida uma reflexão...

 

Conjugo o verbo amar...

No presente passado e futuro...

Conjugo na linha do tempo...

Meus versos transitivos diretos...

Como recados de meu amar...

 

Não sou anjo nem pecadora...

Sou uma mulher somente...

Sensível sonhadora...

Que da rosa busca inspiração...

 

E entre sonhos e delírios...

Meu desejo é todo seu...

E assim fica selado meu segredo...

Com você...

 

Neste mar de loucuras e magias...

Meu silencio grita teu nome com euforia...

Deixe-me amar-te sem ter de dar explicação...

Na ternura de tua tez teus lábios me sorriem...

E escrevendo versos eu sigo em meus...

Desejos já despidos...

                                        

E assim como suplica eu te peço...

Deixe-me amar-te com meus segredos...

Para que um dia eu desvende...

Tudo que em ti ainda é mistério...

Minha alma meu abismo...

Teu sorriso minha Luz...

Agora já adormeço embalada...

Pelo mistério desses amar...



Dedico este poema a todos os apaixonados...
E aqueles a quem amam em segredo...
E ainda a todos os amores proibidos...
Neste nosso universo inverso de versos e amores...

POR UM MUNDO MELHOR RESPEITE OS DIREITOS AUTORAIS!

Compartilhar

NO TRABALHO

Vania Staggemeier
05/10/2008