Site de Poesias

Menu

Rafaela Santos

Meu amigo lhe digo: Nunca esqueça da razão da vida, procuro o sabor da água e sei que jamis a sentirei novamente O maravilhoso gosto da saudade com o circo do primeiro beijo. Talvez para você seja fácil esquecer os amigos, meus amigos já mais esquecerei. Eles que me mostraram que o mundo não é azul mais sim da cor que quero que seja. Meus inimigos me deram o amargo sabor da vitória. Nas alegrias senti auxência da vida, com causas simplismente ditas, daí então a alegria vai em bora e só volta quando o dia amanhece trazendo por um momento a razão da vida.