Site de Poesias

Menu

Marcelo Barros

Publicitário por profissão e paixão, Marcelo Barros nasceu na cidade de Belém do Pará, no ano de 1969. Sempre inquieto e insatisfeito com normalidade que a vida oferecia, Marcelo vivia "inventando moda" (Frase dita sempre por seu pai) desde sua infância.

Em suas brincadeiras já apresentava traços dessa insatisfação e adaptava seus brinquedos conforme suas necessidades. As briguinhas com os amigos de infância eram freqüentes pelo fato de sua busca pelo significado de tudo que o rodeava e como isso influenciava nas brincadeiras, sobretudo nos objetos usados nessas brincadeiras, isso acabava por ir de encontro com o normal, com o trivial, com o simples fato de brincar por brincar.

Não, para ele a brincadeira tinha que fazer sentido em todos os momentos e com todos os elementos envolvidos nela.

- Odiava brincar com um playmobil no carro do falcon, por exemplo... A brincadeira tinha que ter proporções equivalentes... Não entrava na minha cabeça um playmobil dirigir um carro muito maior do que ele!

- Se agente construía um prédio para os playmobis (Construção feita com capas de fitas cassetes e livros), ficava logo incomodado com como meus amigos com seus bonecos apareciam em andares diferentes, como se fosse mágica... Não... Tinha que ter uma escada, um elevador... Sei lá.

Na adolescência se destacava nas aulas de Educação Artística, matéria extinta do currículo escolar infelizmente. Sempre observando sua mãe nas aulas de pintura em porcelana e em outras atividades artísticas que ela desenvolvia. Marcelo não se sentia atraído por esse formato, sua inquietude e revolta típicas da adolescência o levaram por outros caminhos como, por exemplo, o tingimento de tecido, a pintura de seus tênis, os cadarços coloridos, pulseiras hippies, pichação e outros.

Mas maduro, o artista se envolve com o teatro amador no Colégio Do Carmo...Escreve peças, atua e dirige...Mostra sua preocupação com a semiótica envolvida em suas atividades cotidianas...Em quanto todos praticavam futebol ele gostava se surf e basquete...Enquanto a maioria cantarolava canções da moda nos bares ele fazia paródias envolvendo situações com amigos.

Com a criatividade a flor da pele, encontrou seu caminho profissional na publicidade, na área de criação e design. Hoje é diretor de criação de uma agencia, poeta, compositor e produtor musical e tem as artes plásticas como uma espécie de válvula de escape.

- Como diria o meu pai...Estou sempre inventando moda!

Poesias de Marcelo Barros

Título Data Com. Vis.
Medo 30/08/2010 0 74
Fuga 30/08/2010 0 45
Metabolismo 30/08/2010 0 103
Verde que te quero Ver-o-Peso 30/08/2010 0 70
Namorado e namorado 30/08/2010 0 74
Foi tudo um sonho? 30/08/2010 0 75