Site de Poesias

Menu

Flávia

Doida,dá castigos na caneta,odeia Português,adora Ed. Física,gosta de um garoto do colégio, pensa já ter passado da fase das paixonites, parcialmente esperta e gosta de poemas,flores e chocolate.

  • "Quando uma folha tem uma cor diferente todo mundo gosta. Quisera eu que assim fosse com a humanidade!"

Poesias de Flávia

Título Data Com. Vis.
Haikai pra finalizar 08/11/2006 0 172
Fadiga 08/11/2006 0 146
Amor Mesmo 08/11/2006 0 221
Cena certa vez, em certa banca de revistas. 08/11/2006 0 215
Tal qual meu amor 08/11/2006 0 238
Monstrengo de Aqui 07/11/2006 1 2047
O minuto 13/08/2006 2 235
A agônica 03/02/2006 0 187
Desamor 06/10/2005 5 226
Poemeto do amor 06/10/2005 1 147
Suspiro paixonístico 02/09/2005 1 157
Mabel 13/07/2005 0 81
Pessimismo 03/06/2005 0 135
O homem na encruzilhada 18/05/2005 0 83
Amor é... 18/05/2005 0 82
Hipnose 14/05/2005 1 114
Paranóia 14/05/2005 1 67
Agulha 14/05/2005 0 60
Simplicidade Simples 14/05/2005 0 86
O Animal 13/05/2005 1 88