Site de Poesias

Menu

Tiago Deolindo

Nasci em 9 de Junho de 84 extremamente magro, e hoje, ao contrário, extremamente gordo. Adquiri gosto pela leitura na infância com leituras diárias de quadrinhos, muito Disney e Mauricio de Souza. Se não colocasse no papel o que sinto tanto nas alegrias quanto nas tristezas diárias, com toda certeza ficaria maluco. Tenho paixão por poesia de pensamentos, nada de palavras diíceis, ou de difícil compreensão, mas que seja concisa, seja linear e, acima de tudo que seja ética.
Bom esse é meu resumo.

  • "Grande figura. No meio de tantas outras. Sempre figurante. Não completa fim de albúm. Quanto mais um coração."

Poesias de Tiago Deolindo

Título Data Com. Vis.
Pra você... 01/04/2009 0 375
Notepad 08/06/2006 1 115
Dois 24/05/2006 3 141