Site de Poesias

Menu

Sinto Sua Falta.

[Ilustração não carregada]

O silêncio faz morada nestas cercanias.
Os anjos choram e escorrem dos seus profundos olhos lágrimas de granito, e seus olhares tristes fitam o infinito
o céu tingido de violeta.
Apenas os ramos dos salgueiros parece ter vida nestas imensas serranias onde a alegria, nunca passou por aqui.
E eu em meio essa calmaria tenho tanto pra lhe dizer, mas volta vazia minhas palavras...
O que dizer para alguém que se transformou em liquéns e águas?
Eu queria te dizer que guardo como recordação no peito o coração que de ti herdei,
esta guardado na caixa secreta intocavel, mas só o vento ouve minhas palavras.
O giro do Universo não permite que eu perturbe seu sono eterno dormes para sempre no eterno rosto da terra.

Cristiane Coradi.

Compartilhar

Ouvi uma voz me chamar... disseram que era o vento
dizem que quando o vento chama escuta se o som do silêncio.

cris coradi
12/01/2014

  • 2 comentários
  • 128 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados