Site de Poesias

Menu

Cegos respirando um Sopro de vida


Cegos respirando um Sopro de vida
 
Mesmo com os olhos fechado
É possível ver outro lado
Deus soprou em suas narinas
O fôlego da vida
Existem pessoas que ficam cegas
Quando cortam a visão
Com fragmentos do coração
A verdade pode esta na retina
Hoje é um novo dia
Aquilo que você não pode ver
Mas sim sentir e crer
Em verdade e Espírito
Vai fazer de você um discípulo
E criou Deus o homem à sua imagem
Sua mente transformou verdades em miragens
Desde que foi a tarde e a manhã, o dia sexto
Até hoje o Homem não entende o Amor e tudo tem medo
 
Autor: Roberto Fabrício

Compartilhar
Roberto Fabricio
30/11/2013