Site de Poesias

Menu

"Poesia desvairada"

 
Poesia desvairada”

 

 
As letras me causam dor, as palavras euforia,

 
A rima não tem sabor, o verso me contagia,

 
Os outonos em dissabores, as primaveras em primazias,

 
A espera quer se opor, o tempo quer nostalgia,

 
As margens presa a uma só cor, as pradarias refletem a luz do dia.

 

 
Marques Corrêa

Compartilhar
Marques Corrêa
18/07/2013