Site de Poesias

Menu

AMO DEMAIS A VIDA

A vida é uma ciranda
E eu dançando ela,
É uma casa sem varanda,
Mas tem porta e janela

Minha boca é a porta
E meus olhos as janelas
A vida é tolerante e me suporta,
E eu, sou apaixonado por ela!

Como toda gente,
Às vezes reclamo, digo coisas dela,
E não sou daquele que mente
Quando digo o quanto à vida é bela.

Todo casal que se gosta, se desentendem.
E, esse desentendimento faz a vida florida.
Os pedidos de perdão sentimentos reacendem,
E o que tenho a dizer é que amo demais a vida!

Compartilhar

Eu sou um amante da vida e sei que ela também me ama. Temos tido alguns desentendimentos e isto é normal entre os amantes, mas, isto não altera a nossa relação, e digo que não sei o que seria de mim sem a vida. Em casa nós dois juntinhos.

Ubirajara Fernandes
25/05/2013