Site de Poesias

Menu

FALANDO DE SOLIDÃO

 A solidão não dá trégua

Ela chega e se instala

Toma conta do ambiente

Tá no quarto,tá na sala!!!

 

Tá no corpo,na cabeça

Tá sempre de marcação

Nas ruas por onde ando

Tá dentro do coração!!!

 

Tá no banho solitário

No sonho,vela meu sono,

Tá na realidade

Na carência,no abandono!!!

 

Tá que tá lançando a rede

Estendendo suas garras

A solidão é cruel

Dor intensa que não para!!!

 

Tá aqui importunando

Todo dia,toda hora

Ocupando os espaços

Não pensa em ir embora!!!

 

Ninguém merece viver

Com uma visita assim;

Xô...Vai embora solidão,

Vai pra bem longe de mim!!!

 

E ela,querendo me desafiar;

Ironicamente canta:..."Daqui não saio,daqui ninguém me tira!!!"

Compartilhar
LUIZ CARLOS GURUTUBA: "POETA AMIGO,AMADO AMANTE
06/04/2013

  • 1 comentário
  • 95 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados