Site de Poesias

Menu

A Tarde

Deitado sobre um banco de pedra
Vejo o mundo rodar
Vejo à minha volta tudo se encaixar.
Árvores, pessoas das diversas, vejo passar!

Algumas sozinhas, outras acompanhadas de outro alguém.

Vejo também casais passarem, e me vejo aqui próximo ao pôr-do-sol sozinho, deitado, acompanhado de meu livro, observando a vida e aprendendo com o olhar para um sucesso promissor, visando o mais alto galho dessa árvore vista de minha posição, sobre minha cabeça.


Murilo Mattar

Compartilhar
Murilo Mattar
28/03/2013