Site de Poesias

Menu

Recomeço

[Ilustração não carregada]

 Quando a noite se for e ficar claro meus dias

quando o inverno passar, e a primavera chegar,

Quando os raios da minha mocidade se for, vou fugir

por algum instantes por colinas verdejantes

correr livre pelos campos...

Vou trilhar por estradas batidas de cascalhos, vou morar num grande vale,

onde passarei meus dias ao sol...

Quero aprender amar a chuva que molha a terra e fecunda

a semente que o homem lança, tão viva de esperança, tão cheia de brisa

como a cor do primeiro verso meu.

Que fala do desabrochar das rosas, das praias de areias brancas

que beija a orla do mar.

Então minha alma estará desperta, e pronta pra recomeçar...

Cristiane Coradi.

Compartilhar

minhas vestes são de seda e sisal
adorno meus cabelos prateados com as penas de pardais...

cris coradi
25/02/2013

  • 8 comentários
  • 234 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados