Site de Poesias

Menu

ROSA DO VENTO.

[Ilustração não carregada]

Rosa morna de emoções em seus trajes furta cores.

Bela flor fingida, gosta de ser cultuada em altares

Exalando sua essência em altas torres.

Sonha rosa! ao som do violino, sonha...

porque jamais verão suas pétalas voantes em preto e branco.

Verão sim, rosas rubras, orvalhadas.

Por quê nao me toca com suas asas?

 eu só queria teu perfume oh! rosa

que prefere entregar teu aroma ao vento...

e o vento não te retorna, só deixa em troca sua ausência

Rosa, é tão rápida sua existência..., que em água ou nada se transforma

suas pétalas são tão frágeis, é apenas uma rosa...

Mas de beleza poderosa!

Cristiane Coradi.

Compartilhar

Lamenta, chora, pensa e resolve... Felicidade???
Está em cada momento, absorve!!

cris coradi
13/11/2012

  • 8 comentários
  • 143 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados