Site de Poesias

Menu

Anos 3000

 Dia quente

Noite fria

Alma vivente

Resta alegria

 

João-de-barro

Não canta mais

Rio era azul

Agora é lilás

 

Torneira conta-gotas

Pasto sem gado

Fazenda sem plantação

Não tem vida, Não tem mato.

 

Despensa sem alimento

Tecnologia vencendo o tempo

Foi uma terra

Com recursos naturais

Humanos, hoje, feras.

Outrora racionais

Foi-se o planeta Terra!

(ASM)

Compartilhar
Aline Morena
12/11/2012

  • 2 comentários
  • 51 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados