APLAUSOS

 Todos nós aplaudimos,

com almas contentes

e ternamente.

 

Autor: Antonio Cícero da Silva(Águia)