Hoje não mais...

Acordei durante a noite e tendo como visão seu corpo parado em pé na janela

Não sei o que é, sei apenas que queria abraçá- lo

Poder sentir a batida do seu coração

Sentir o sabor da sua saliva amarga

O que te afliges

O que te faz pensar tanto

Não mais deixar sofrer por coisas  insignificantes

Parado em pé e olhando a fumaça do cigarro eu te vi na janela

Não mais quero ve-lo sofrer,

Quero acordar deste sonho e fazer valer o real,

Tirá-lo deste lugar e leva-lo para ser feliz,

Talvez não mais possa ajudá-lo se você não quizer sair do meu sonho

Isso seja mais seguro do que do lado da realidade.

EUNICE FERNANDES
© Todos os direitos reservados