Amizade franca!

Somos mortais e, por isso mesmo, morreremos!
Mas sem sentir um carinho, um sorriso que ampare
Nossas tristezas, nossos “ais”, não merecemos!
Que eu goze por estar com você e que nada me cale!
Nossos encontros são eternos, como eterna
É a vida! Somos amigos e sementes geradoras
De poesia e a vida ensinou você a ser uma pessoa
Terna e, nós dois, somos energias criadoras de arte!
Oh! Quanta beleza numa amizade franca e profunda,
De grande simpatia e braços acolhedores, à distância!
Quão belo são nossos estados de reflexão e de encantos!
Você é aquela doçura da cana, do mel e do chocolate,
Que tanto faz bem à alma e à emoção, quanto à razão,
Na dura vida cotidiana que nos alegra e nos abate.

Naza Poeta Holístico
© Todos os direitos reservados