Site de Poesias

Menu

A NOITE E EU

A NOITE E EU

Sai para a rua
É noite escura
Fui ver a chuva
 
Sento na varanda
O cachorro chega
Me faz companhia
 
Tranqüilo se ajeita
E eu também, mas
Não calmo como ele
 
Ele vive para escutar
O que do silêncio vêm
E do que no escuro vê
 
Procuro relaxar
Estar no presente
No compasso dele
 
As flores
Os cheiros
Tudo me envolve

E no animal vivencio
O viver na confiança
Sem nada a querer

Só há paz em volta
Isto me alegra
E grato já entro
 
Vou dormir
Pois vi a noite
E ela está bela

www.hserpa.prosaeverso.net
 
“A felicidade provém do íntimo, daquilo que o ser humano sente dentro de si mesmo” Roselis v. Sass –
www.graal.org.br

 

Compartilhar
HSERPA
07/06/2012

  • 0 comentários
  • 214 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados