Livre

Livre

Me sinto só...
Às vezes uma ilha
Às vezes uma águia
Às vezes uma brisa
E o que não me move
Comigo não combina
Eu sou um pássaro
E gosto tanto de voar
Rasgar nuvens no céu
Brincar com as estrelas
Caminhar pelo sol
Admirar a lua
Cheia, bela e nua
Vou longe, me permito voltar
Sem mais lágrimas de tristeza
Não deixo me ouvirem gritar
Carrego a minha certeza
Assim viajando pelo ar
Será que vivo um sonho?
Prefiro voltar a voar
Curtindo a pausa do tempo
Sem ilusão...sem tormento
Me encontro só...
Livre... solto ao vento
Sem nada a me apegar
Nem dor, nem lamento
Minha alegria a me acompanhar
Na solidão azul, eu e o tempo...

André Ferreira
© Todos os direitos reservados