Cosmos

Cosmos

 
Você é terra,
Quente pelo calor do sol
Frio pela escuridão da noite
 
Você é fogo,
Crepitando em faiscantes labaredas
Apagando com um leve agito no ar
 
Eu sou o vento
Calmo e virtuosamente quente
Provocantemente gélido e afiado
 
Eu sou o mar
Requebrando nas frias encostas
Descansando nas noites de ressaca
 
Somos água
Fluídos desprendidos dos nossos corpos
Gotículas de suor rolando pelo corpo
 
Somos nuvens
Poeira desfalecida de gozo
Sombra que impulsiona o desejo
 
Somos Cosmos
Ocultando todo azul do céu
Você é matéria, eu sou sua energia!

 

Lucélia Lima
© Todos os direitos reservados