Site de Poesias

Menu

A Rosa

Um dia plantarei
no jardim do teu
coração uma rosa
azul e em cada
pétala um sonho
meu ...

Por um momento
a felicidade
brotará como
perfume enebriante
da noite sonhada ...

Perdor-me-ás
quendo seus
espinhos magoarem
os dedos de
tua mão ?

Compartilhar

Um retrado do amor...
Como uma flor plantada no jardim, nos encantamos com sua beleza, seu perfume, seu encantos e assim nos perdemos...
Mais dia menos dias, os espinhos nos ferem e doem...
E se a gente sabia dos espinhos, porque esquecemos?
Mas, quem não sente a dor, também não sabe avaliar a felicidade ... Porto Alegre

Abel G. Saint'ell
05/11/2005