Site de Poesias

Menu

TRAIDO PELO DESESPERO

 
TRAIDO PELO DESESPERO
 
Fui traído pelo meu desespero,
desespero pela perda de você.
 
Fui muito indigno de você,
por todas as coisas que te disse,
de ciumes por ter te perdido.
 
Em minhas poesias, tenho
falado muito de minha dor,
pela sua perda.
 
Pelo meu desespero, por
sua perda, te machuquei muito,
fui maligno com você.
 
Mas, não pus em minhas
poesias, a tua dor pelo fim
de nossa relação.
 
Fui muito egoísta, justo eu,
que abomino o egoismo.
 
Não há desculpas, pelo que
fiz a você, eu teria que ter
tido mais jogo de cintura,
pela situação, mas fui
extremamente extremado,
minha maior falha.
 
Mas sei, como você, deve
estar se sentindo, com toda
essa situação.
 
Estou arrependido, pelo que
fiz a você, mas arrependimento
nenhum, ira reverter o que aconteceu
com nós dois, e agora restara
as boas lembranças de você.
 
E o Amor que sinto por você,
ira ficar só comigo, pois não
tenho mais como dividi – lo
com você.
 
Te Amo, e só eu sei, como
esse Amor para sempre
perdurara em meu coração.
 
M.A. Tisi

Compartilhar
Marco Aurelio Tisi
12/12/2011

  • 0 comentários
  • 202 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados
  • Tags: