Site de Poesias

Menu

A Máscara

[Ilustração não carregada]

Quem sou eu?
Não me vejo
Onde está meu rosto?
Não escuto minha voz
minha cabeça dói, no meio de meus pensamentos
não consigo arrancar esta máscara, que dói
grudada em meu rosto
enfincando na carne, na alma , em mim
quero ser eu, mas não sei mais quem sou
chego em casa cansada, consigo dormir
e, sonho comigo,
então eu me vejo
como está bonito meu rosto, limpo
sem máscara
escuto minha voz, estou cantando
e finalmente lembro quem sou eu

Acordo
Abro os olhos, mas não vejo nada
A máscara me sufoca
Quero me libertar
Mas não posso, só quando sonho

Alexandra

Compartilhar
Alexandra Lopumo
06/09/2011

  • 1 comentário
  • 77 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados