LÁ VEM A LUA

 
LÁ VEM A LUA
 
Lá vem a lua clara, com
seu luar o meu pranto iluminar.
 
Lá vem a lua nova, na
minha insonia me acompanhar.
 
Lá vem a meia lua, no
meu desespero me acalentar.
 
Lá vem o minguante da lua,
no meu infortúnio me consolar.
 
Lá vem a lua, com suas lindas
crateras na minha tristeza
me confortar.
 
E sem a lua no breu o céu estar,
é a minha realidade a se consolidar.
 
E com lua e sem lua, meu destino
para sempre inconsolável ira ficar.
 
Mas toda vez que a lua despontar,
terei as doces lembranças e a minha
certeza que para sempre irei te Amar.
 
M.A.Tisi
 

Marco Aurelio Tisi
© Todos os direitos reservados