QUEM ME DERA

 
QUEM ME DERA
 
Quem me dera, em teus braços eu
pudesse voltar a ficar.
 
Quem me dera, os teus beijos eu
pudesse voltar a desfrutar.
 
Quem me dera, em nossos momentos únicos eu
pudesse o teu nome voltar a gritar.
 
Quem me dera, os teus lindos olhos eu
pudesse voltar a fitar.
 
Quem me dera, com as mãos dadas passeando eu
pudesse voltar a andar.
 
Quem me dera, em teu sofá contigo eu
pudesse voltar a conversar.
 
Quem me dera, os teus gostosos quitutes eu
pudesse voltar a saborear.
 
Quem me dera, com os “ Pimpolhos “ contigo eu
pudesse voltar a brincar.
 
Quem me dera, eu fosse pra você a certeza
do teu bem estar.
 
Quem me dera, o teu “ PERDÃO “ eu
pudesse conquistar.
 
Mas se nada disso eu
conseguir reabilitar.
 
Independente de qualquer solução que você
vier a concretizar.
 
Eu para sempre irei te “ AMAR “.
 
M.A.Tisi
 

Marco Aurelio Tisi
© Todos os direitos reservados