Site de Poesias

Menu

se ficar, deixe me

 
 
 
 
Não peço que me ames
Nem que me queiras
Quero que neste instante
Diante de mim, me aceite
Também tire proveito
Do meu leito, no meu peito
Sem qualquer força maior
De superioridade, desigualdade
Só não quero que tenhas piedade
Se quiseres ir, vá
Se quiseres ficar, fique
Se ficar, deixe me
Por um instante tua boca beijar
E em teu corpo em caricias
Encontrar-me
E todo meu amor te dar.

Compartilhar
Gisele Araujo
01/07/2011

  • 1 comentário
  • 62 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados