NADIR III

 

     Eloquente

            Em tua sintonia

                Em ti mora

                    Minha alma

                         Em mim

                             Teu coração.

     NADIR

         Oculto

         Como os meus pensamentos

         Juro por ti, pela beleza

         E o momento, em ti

         Juro que jamais

              Esquecerei

                   O amor na alma

                        O desabafo

                               O carinho.

        A força da mente

             No encontro  

             No encanto, do sexo

                 Tudo foi lindo

                  Como um sonho

                         Real.

 

 

Página 119, do Livro : Alma Deslumbre & Poesia

               José Herculano da Nóbrega.


     Gostaria que as minhas

     poesias fossem comentadas.

     Fico grato com a compreensão

     de todos esses poetas

     do Site de poesia.

     E aos leitores um abraço. jh

    

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

José Herculano da Nóbrega
© Todos os direitos reservados