TELA DE OUTONO

TELA DE OUTONO


Entre as fumaças da noite
e a cegueira da névoa azulada
o silêncio deixa seu rastro
A carícia do vento que sopra
Leve e macio
De repente solta as folhas
dos velhos plátanos
misteriosamente
Diante de um céu sem lua
Retalhos alaranjados caem ao chão
Uma colcha na terra é tecida
Amanhece...desenho impresso:
Tela de outono!

Bruma Lilás - Taís
© Todos os direitos reservados