Site de Poesias

Menu

Mar unido ao céu


Teremos um dia, o mar se unindo aos céus e quando esse dia chegar
Haverá aqueles que dirão que a praia se foi para sempre,

Algumas recordações ficaram eternas em minha memória,
Inicialmente, pensarei em todas as pessoas em que amei,
Sorrisos que se fixaram em meu peito,
Só pelo fato de serem puros e sinceros como o seu,

Eu poderia chorar sobre todos os graus de areia que sumiram
Urrar, como o vento sopra em meus ouvidos o seu nome
Só para lembrar dos momentos em que você esteve por perto.
Ouviria novamente todas as coisas que eu te disse
Logo, poderia transformar todas as minhas palavras em poesia.

Haverá o dia, em que eu simplesmente
Observarei o movimento de todas as ondas do mar, chegando as nuvens
Simplesmente para relembrar do seu andar e de como és forte
Mas ficará a saudades de quem dia após dia,
Encanta-se com o seu jeito meigo, e especial de ser.

Inesperadamente ainda verei a praia, que para muitos não existe mais
Mas para eu, nunca deixou de existir,
Pois, a areia que sempre irá sustentar o seu mar
Resistindo a todas as passagens da vida que temos que enfrentar
E a cada onda que quebre em seus corais
Serei eu que estarei lá,
Sim, para te lembrar que a cada dor que sofreres
Irei te curar, abraçar, esquentar
Olhar por você, mesmo que esteja em meus sonhos mais distante

No dia em que a praia se for,
Amarei relembrar o seu perfume, o seu olhar
Mesmo que o céu seja muito alto e o mar profundo demais para sonhar.

Compartilhar
Haron Passarelli
28/02/2011

  • 0 comentários
  • 55 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados