Outra vez

Outra vez

Você falou
que vinha
e não veio
falou que
telefonava
não telefonou.
 
Esperei-te
no portão
e você não passou
o telefone também
não tocou. Quem sabe
outro dia talvez.
Partiu meu coração,
mas tudo bem,
amanhã, vou ti esperar
mais uma vez.

Obrigado pelo carinho da visita ao sair deixe um comentário ou uma simples critica.
Jose Aparecido Botacini
© Todos os direitos reservados