Site de Poesias

Menu

CANTO

QUERO SER AQUELE CANTO:QUIETO,MUDO,IGNORADO...

OUVIR A TUDO CALADO,

JAMAIS VIVER OU MORRER.

RESPIRAR POR UM SEGUNDO

SEM A DOR DAS CICATRIZES,

SEM OS MOMENTOS FELIZES,SEM AMAR, NEM ODIAR...

NÃO TER MEMÓRIA, NEM TEMPO,

NÃO TER SEQUER PENSAMENTOS, NEM HISTÓRIAS PRA CONTAR.

Compartilhar
Elisabeth Camargo Martello
21/02/2011

  • 1 comentário
  • 393 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados