Site de Poesias

Menu

Meu caminho... eu traço!

[Ilustração não carregada]

Não fui eu a escolher
Onde, como e quando chegar
Não serei eu a escolher
Onde, como e quando me afastar

E entre o chegar e o afastar
Nesse intervalo chamado vida
Quero que seja eu a traçar
A estrada a ser percorrida

Se seguir por caminhos seguros
Ou por atalhos
Se serei tronco firme
Ou fracos galhos

Se andar depressa
Ou devagarinho
Se serei uma flor
Ou espinho

Se serei a luz do dia
Ou o breu da noite
Se carícia
Ou açoite

Se serei essência
Ou aparência
Se calmaria
Ou violência

Se sol
Ou lua
Se serei minha
Ou sua!...

Compartilhar

Não aceitando que as pessoas decidam o que é melhor pra mim... Quero que seja eu a escolher, mesmo quebrando a cara com as minhas escolhas. Tudo é aprendizado! Se cair, levanto e continuo a caminada... Cabo Frio

Mena Moreira
25/11/2010