Site de Poesias

Menu

Anjo Caído

Olhares imprecisos,
de um semblante tristonho,
de um alguém perdido,
no amor ou libido.
 
Pecado nascido do teu santo amor,
com cheiro do temor,
com o calor e o ardor
desta paixão e deste rancor.
 
Lágrimas destes olhos lindos.
Oh lindos olhos,
santos e tão santos,
que pecado seria,
não me enlouquecer por você.
 
Fogo que arde deste pecado concebido,
com amor, paixão ou libido,
que viraria tristeza gritante,
se tu morresse..
Meu lindo anjo caído

 

Compartilhar
Jonathan Cunha
12/01/2011

  • 1 comentário
  • 102 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados
  • Tags: