Site de Poesias

Menu

Um simples tratado de Amor

Minhas palavras expressam um sentimento
tão puro, um amor tão simples;
minhas poucas palavras não dizem
ao mundo o que meu coração quer mostrar;
somos um simples nascer ou uma flor,
nós somos a curta distância do dia ao sol,
somos palavras soltas,
somos crianças ao vento,
somos uma juventude vivida em lembranças,
um abraço ou um beijo,
um recordar ou um novo dia.

A vida não precisa ser entendida
quando tenho seus braços,
não tenho dores quando seus beijos me guiam,
pois as horas convertem-se em puro desejo,
em pura ficção de um tempo bom,
pois meu amor, somos o tempo em espera,
somos as dores em pausa ou um instante em mistério.

Agora estou de volta,
de volta pra casa,
de volta aos teus braços
pois outras cores não vivi,
outros gostos não haviam,
pois somos dois corpos simples,
curtos, singelos e eternos,
Te amo.
 

Compartilhar
Beto Nunes
07/01/2011

  • 1 comentário
  • 47 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados