Site de Poesias

Menu

Iquietude

[Ilustração não carregada]

Ainda que nesse silêncio da noite...
Minha alma sem descanso busca
Essa exuberância de sua presença
Pelo vazio que me causa em sua ausência,
Que sobressalta a saudade,
Pela falta que sinto...
Que deixaste quando partiste;
Nossa cama ainda tem o seu calor,
Meu corpo te procura, te chama;
 
Causando essa inquietude em mim,
Nossa! Essa sede de te amar...
Quão louco é esse desejo...
Que me abrem a janela da saudade.
 
 
Leny Borges
21/05/2010
 

Compartilhar

Obrigada pela visita, depois de lêem não saia sem deixar o seu comentário. Para mim é muito importante, me ajuda no meu crescimento para melhorar cada vez mais, bjs!

Leny Borges
21/05/2010