Escopofobia

Escopofobia

Na serenagem de suas vestes,
criado divinamente pelo erro Divino,
voando em sua ubiqüidade mundana,
em seu disfarce de gagino,
enganando até os seres da galatéia,
faz eclodir desejos extintos
em toda sua platéia.

Quem te assiste sofre com edemas,
na propositura já pensada por ti,
teu acalento falso entoa,
tine como um som de uma cinira,
tua face dissimulada um dia irá se mostrar,
por terra ou abaixo dela vai cair,
e finalmente suas escoras vão se soltar.

"Adilson Costa"
© Todos os direitos reservados