Amarga mentira

Amarga mentira

Você diz que me deseja,
Que ainda me quer...
Mas na verdade não é o que você quer;
 
Diz-me tantas coisas...
Que jamais se cumpriram,
E ainda pergunta se estou triste com algo,
Como quem não soubesse o por que;
Porque tanta mentira?
Porque enganar?
A esse coração que tanto te quer...
Iludindo com essa amarga mentira.
Dizendo que só quer o meu bem.
Que estou sendo injusta;
 
Mas a culpa não é só sua...
É minha também,
Que embarquei nessa ilusão,
Enganando há mim mesma,
Com o que já estava claro,
E eu não quis enxergar...
Mergulhei de cabeça nessa desilusão,
Querendo que fosse pura verdade,
Agora provo dessa amarga mentira,
Que me faz cair na dor da realidade.
Que você já não me quer mais.
 
 
Leny Borges
03/04/2010

Leny Borges
© Todos os direitos reservados