Site de Poesias

Menu

Esquecer-te

[Ilustração não carregada]

Esquecer-te...
É o mesmo que pedir...
Para ficar desnuda, sem ter roupas.
Esquecer-te...
É o mesmo que pedir para verte com olhos vendados,
Pois sua imagem está viva em minha memória;
 
Esquecer-te...
É o mesmo que pedir para pintar sua imagem...
Em uma tela em aquarela, com cores vivas,
Ainda que  não tendo visão,
Pois te pintaria com os olhos da alma;
 
Esquecer-te...
É o mesmo que pedir para te sentir...
Mesmo com mãos algemadas,
Pois não consigo esquecer a suavidade de sua pele;
 
Esquecer-te...
É o mesmo que pedir para não respirar...
Sendo você o próprio ar;
 
Esquecer-te...
Como te esquecer?
Se eu estou no seu mundo...
E se o meu mundo está em suas mãos;
Como esquecer-te...
Quem jamais quer esquecer...
Quer-se tão somente
Amá-lo.
 
 
Leny Borges
31/03/2010

Compartilhar
Leny Borges
31/03/2010