Site de Poesias

Menu

Hoje, a vida humilhou-me

Hoje, a vida humilhou-me
Mostrou a todos o meu deploravel fracasso
Despiu toda mentira que revestia a minha vergonha
Destruiu o que restava do meu lastimavel interior

Levou-me ao meio da praca
Fui apedrejado com lagrimas e rosas
Com humilhacoes e ironias contundentes
Meu sangue, minha humilhacao escorrem sobre o chao

Hoje, a vida humilhou-me
Marcou meu corpo com o fogo da impiedade
Fez da minha vida um conto de sangue e terrores
Aniquilou o ultimo suspiro de esperanca que me restava
Mostrou-me a face solene do verdadeiro sofrimento

Gritei de dor por tantas vezes
Nao quero mais chorar
Nao minhas lagrimas agora feitas de sangue
Isto doe tanto, por favor faca parar

Eu nao pedi para existir
Porque sofro tanto?


comente para eu melhorar. muito importante so algumas palavras

Compartilhar
O_crime_perfeito
16/03/2010