Site de Poesias

Menu

Rosa sem espinhos

[Ilustração não carregada]


Não sei como suportaste
Tanta dor, tanto desprezo.
Tanto pecado tão pesado!
Não sei porque me amaste...
Mesmo sabendo que eu podia errar,
Pecar e não Te amar.
Queria tanto Tuas mãos tocar...
E em Teu colo minha cabeça deitar...
E chorar, só chorar...
Precisava tanto do Teu olhar...
Imagino que seja tão profundo quanto o meu pesar...
Mais que isso,
Muito mais.
Queria sentir como seria me abraçar...
Queria ter o poder de melhor me expressar
E minha impressão também deixar,
Pra que outros possam ver e crer
Que Tu existe;
Que o Teu amor persiste;
Até à morte, se preciso fosse...
Como eu posso dizer?
O que devo eu fazer
Para mostrar o que sinto por Você?
Fale comigo todos os dias.
Nunca me deixe esquecer
Tudo o que fizestes por mim.

 

Compartilhar

Depois de ver o clip de Above All, de Michael Smith. São Paulo, SP - 07/06/2004

Rosely T. Sales
07/06/2004