ALQUIMIA POÉTICA

 
ALQUIMIA POÉTICA


Numa alquimia poética
com o auxílio de um querubim
Transformarei tristeza em alegria
Doce magia
Somarei as letras do amor e da paixão
Dividirei sorrisos
Irei subtrair as amarguras do coração
sobre a pedra ocre, uma ampulheta dourada
a derramar areia
em mil e uma cores
Compasso lento
O perfume inebriante das flores
Uma mesa posta em harmonia
A almejada ceia,
em uma tradução dos sentidos
Virtudes do forte desejo
Singela luz de delicadeza
Transmutação
A vida , numa chuva de emoções
Um silêncio cor de rosa
A canção dos doze anjos
O som de flautas e violinos
Meus versos pairam...
na brisa lilás
A vibração do dia
O sonho da poesia

Bruma Lilás - Taís
© Todos os direitos reservados