Site de Poesias

Menu

Vício em teus beijos

[Ilustração não carregada]

E tanto vc me espezinhou
tanto me importunou
empurrou-me teus azedumes
e assediou
que bem sei o que você queria...
E tanto você me contradisse
me perseguiu
tanto me arguiu com tuas insolências
olhou-me com tuas ironias
que enfim, dei o que você queria...
Mas não fique tão vaidoso
nem se atenha a minha fidelidade
que estarei sempre
te ignorando
te espezinhando
importunando
contradizendo e afirmando
que meus toques e meus beijos
minha língua e teus gracejos
foram apenas por ti obrigados.
O que irrelevantemente choca!
É nesse profanar que o nosso desejo
se encontra viciado.

Compartilhar

Parte da minha coleção de poesias de mel rsrsr
Obrigada por me ler e beijos!

Elisa Gasparini
10/11/2009