Site de Poesias

Menu

LEÕES SEM CORAGEM

 
Não me levem a mal os que me julgam
Os que criticam sem se olhar no espelho
Os que invadem espaço alheio
E afrontam sem terem sido ameaçados
 
Tristes pessoas que atacam
Tristes pessoas que constrangem
São dignas de pena pois são frágeis
E escondem seus medos por traz das lanças
Ferem pra não se ferirem
Criticam pra não se magoarem
Pobres leões sem coragem
 
Não aprenderam
que o idoso merece respeito
não porque é velho,
mas sim porque é sábio
 
não aprenderam
que as crianças devem ser cuidadas
não porque são pequenas,
mas sim porque são livres
 
Velhos lobos a babar
Afogam-se na própria saliva
Falam demais pra não serem ouvidos
 
São só meninos diferentes
que não tiveram atenção
Que não tiveram respeito
Agora desrespeitam pra
Que todos sejam iguais a eles!!
 
 

Compartilhar
Vini de Lima
07/11/2009