Site de Poesias

Menu

Apenas Alguns Pensamentos

Cada dia que passa,
uma nova luta,
uma nova dor,
uma nova ira...


De olhos fechados,
apenas ouvindo o tempo passar
Sua vida te abandonando...


De volta os pesadelos,
sonhos fracassados,
dores intermináveis...


Perdido em seus próprios medos,
esperando felicidades que fogem...
Sonhos que nunca virão
e pesadelos que não terminarão...


Quanto tempo até tudo acabar?
Quanto tempo até tudo mudar?
Apenas os olhos se fechar
e o novo não olhar...


Pessoas com suas falsas vidas,
com sonhos hipócritos são o futuro...
Que nascem das cinzas de pequenos sentimentos,
puros e os quais eram donos dos corações
e a tempos já se foram...


Lugares cheios de pessoas
e pessoas cheias de impurezas...
Quanto temo até tudo acabar?

Compartilhar
João Gabriel
01/11/2009

  • 0 comentários
  • 63 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados