Por quê?

Por que não me pedes pra mudar o Sol,
Pra mudar a Lua ou o Mar?
Por que não pedes pra ter uma estrela
Como as do céu, que brilham sem parar?

Essas são coisas mais simples
Perto do que me pedes...

Por que não me pedes pra acabar com a fome e a morte,
Com a ganância e a intolerância?

Peça tudo, peça coisas possíveis,
Mas não me peça pra mudar o meu ser,
O meu querer,
O meu amor por ti!

Não corte minhas asas,
Não deixe meu ser falecer,
Simplesmente porque eu não sei como esquecer
O que sinto por você...

Daniel Alberto Eis
© Todos os direitos reservados